Frentes pioneiras em transformação: o eixo da BR-163 e os desafios socioambientais

Martin Coy, Michael Klingler

Resumo


A Amazônia evoca para si, como nenhuma outra região, o mito de terra livre, riquezas minerais e recursos energéticos supostamente inesgotáveis. Recordes anuais na colheita de soja e prognósticos otimistas sobre a produção e exportação para os mercados internacionais refletem a imagem de sucesso do Mato Grosso. Até hoje, muitos migrantes são atraídos em busca dessa quimera. Esta mudança regional e os conflitos dela resultantes tiveram início nos anos 60, a partir do estabelecimento de uma dinâmica liderada pelo Estado militar (1964-1985), empenhado em ocupar, desmatar e assim valorizar a terra no sentido teórico da modernização.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22228/rt-f.v7i0.282

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista T&F está indexada nos seguintes serviços: Portal de Periódico da CAPES, EBSCO, BASE, Sumário de Revistas Brasileiras; Latindex, LivRe!, Google Acadêmico, Dialnet, DOAJ.

Periódico avaliado como B1 no WebQualis 2015 da CAPES na área de História; B2 nas áreas de Letras/Linguística, Ciências Sociais Aplicadas e Ciências Ambientais.

ISSN 1984-9036

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.