Menos é mais. O Homem ao lado

Janice Theodoro

Resumo


O artigo discute o filme argentino “O Homem ao Lado”, dirigido por Mariano Cohn e Gastón Duprat. O foco da análise concentra-se nas dificuldades de comunicação, diferenciação social e linguagens na sociedade contemporânea. A trama se desenrola em uma casa, cujo projeto foi elaborado por Le Corbusier, na década de 40 do século passado. Os personagens centrais são um designer e seu vizinho, de extração social mais baixa, envolvidos em uma querela: a abertura de uma janela no muro que separa uma casa da outra.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22228/rt-f.v6i1.195

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista T&F está indexada nos seguintes serviços: Portal de Periódico da CAPES, EBSCO, BASE, Sumário de Revistas Brasileiras; Latindex, LivRe!, Google Acadêmico, Dialnet, DOAJ.

Periódico avaliado como B1 no WebQualis 2015 da CAPES na área de História; B2 nas áreas de Letras/Linguística, Ciências Sociais Aplicadas e Ciências Ambientais.

ISSN 1984-9036

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.